Ir para o conteúdo
Como contratar o seguro para um carro usado?

Como contratar o seguro para um carro usado?

Para contratar um seguro para o seu carro usado, é necessário seguir algumas exigências impostas pelas seguradoras:

  • É necessário realizar uma vistoria no veículo antes;
  • O automóvel deve ter, no máximo, até 10 ou 15 anos de uso;
  • Caso o seu carro usado seja importado, o tempo de uso não pode ser superior a 5 anos (essa é a regra, mas pode variar de seguradora para seguradora).

A partir dessas informações, a companhia de seguros irá analisar vários fatores, como o índice de furto e roubo do modelo, o perfil do condutor, o histórico de colisões e o custo de reposição de cada peça automotiva.

Dependendo do resultado da avaliação do veículo e do seu perfil de condutor, a seguradora poderá conceder ou não uma apólice de seguro para o seu carro usado. Caso a seguradora aprove o contrato de seguro para o seu automóvel, é importante ficar atento ao preço cobrado pela apólice.

Por incrível que pareça, apesar de tratar-se de um carro usado, se o valor que a companhia tiver com a manutenção do carro for baixo, a apólice também deverá ser mais em conta. No entanto, se o valor de manutenção ainda assim for muito alto e isso encarecer a apólice, há também a alternativa de se optar pelo Seguro Popular, que possui um valor bem mais acessível que a maioria dos seguros disponíveis no mercado, porém não garante menos coberturas que as garantidas por um seguro convencional.

No Seguro Popular, as seguradoras podem utilizar peças recondicionadas com procedência e qualidade comprovadas, o que torna mais fácil (e barato) o trabalho de encontrar peças para os carros usados mais antigos.

Voltar ao topo