Ir para o conteúdo
Por que pagar um seguro se já pago todo ano o DPVAT?

Por que pagar um seguro se já pago todo ano o DPVAT?

O seguro obrigatório, também chamado de DPVAT, é o seguro que todos os proprietários de veículos devem pagar juntamente com o IPVA. Como ele é obrigatório, algumas pessoas pensam que não é necessário contratar um seguro para o veículo, pois já estão pagando pelo DPVAT.

Na verdade, o DPVAT e o seguro oferecido pelas seguradoras são coisas completamente diferentes, embora estejam relacionadas com o mesmo assunto. O DPVAT possui uma cobertura muito específica, que se aplica apenas aos danos pessoais que possam ser causados por veículos automotores ou por sua carga em vias terrestres.

Ele se aplica a qualquer pessoa que seja vítima de um acidente de trânsito, significando que pedestres, passageiros, motoristas, ciclistas e motociclistas podem ser indenizados com o seguro DPVAT, independentemente se ele foi ou não o culpado do acidente.

No entanto, o DPVAT não oferece nenhuma proteção ao veículo envolvido no acidente, o que significa que se você sofrer um acidente de trânsito e precisar de amparo o DPVAT poderá ser acionado, mas seu veículo não entrará no seguro. É por esta razão que você deve contratar um seguro automotivo.

Além dos acidentes, o seguro de carro oferece diversos tipos de proteções nos casos de furto, roubo, colisão, danos materiais, perda total, danos morais, assistência, incêndio, entre outras diversas situações que podem comprometer o seu veículo.

Sendo assim, se você está procurando por uma proteção maior para o seu veículo, a contratação de um seguro automotivo é a melhor solução. Por isso, mesmo que você pague o DPVAT todos os anos, pois ele é obrigatório, a contratação de um seguro automotivo não é dispensável como muitos pensam, mas sim necessária para se ter uma boa cobertura de situações que podem ocorrer.

Voltar ao topo