Ir para o conteúdo

Fundación MAPFRE participa da cerimônia de entrega do Prêmio Desenvolvimento Educacional Inclusivo, em parceria com a OEI e o MEC

São Paulo, 4 de abril de 2016 – Iniciativas de destaque desenvolvidas na rede pública de ensino foram premiadas na última sexta-feira (31) durante o 7º Fórum Estadual Extraordinário da Undime Ceará - Desafios e Perspectivas da Gestão Municipal no cumprimento do Plano Nacional de Educação (PNE), que aconteceu em Fortaleza (CE), com a presença de mais de 340 convidados. A solenidade marcou a entrega do “Prêmio Desenvolvimento Educacional Inclusivo: a escola no enfrentamento das desigualdades sociais”, iniciativa promovida pela parceria entre a Fundación MAPFRE, a Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, Ciência e Cultura (OEI) e o Ministério da Educação.

O prêmio teve como objetivo reconhecer ações desenvolvidas por Secretarias de Educação e escolas públicas que promovem o acesso e a permanência de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social nas escolas públicas de todo o país. Dividida por categorias, a iniciativa vencedora no quesito “Secretaria Municipal” foi a Secretaria Municipal de Educação de Erechim (RS), já na “Escolas Públicas” a Escola Municipal de Ensino Fundamental José Dantas Sobrinho, de Maracanaú (CE) conquistou o primeiro lugar.

Representantes dos projetos ganhadores nas duas categorias farão uma viagem à Finlândia, por sete dias, para conhecer o sistema educacional do país, considerado referência quando o assunto é educação.

De acordo com a avaliação realizada pela comissão julgadora, o projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Erechim (RS) prioriza o trabalho do professor de apoio, no qual esse profissional tem o papel fundamental de aproximar as famílias da escola, por meio do acompanhamento de todos os alunos que apresentam dificuldades durante o processo de ensino e aprendizagem. Já na escola pública em Maracanaú (CE), a iniciativa apostou na implementação de projetos pedagógicos focados na melhoria da qualidade da educação através da parceria com diferentes órgãos públicos do município e no convívio com a diversidade, através de vídeos educacionais, debates, jogos e dinâmicas.

Também foram premiados respectivamente em segundo e terceiro lugares, os projetos das Secretarias Municipais de Educação de Currais Novos (RN) e Teotônio Vilela (AL) e da Escola Estadual Antônio Correa e Silva, de Januária (MG) e Escola Municipal de Ensino Fundamental Luiz Badalotti, de Erechim (RS). Os representantes destas iniciativas terão a oportunidade de fazer um intercâmbio no Brasil para conhecer os projetos premiados e trocar experiências. Além das viagens, todas as escolas públicas vencedoras receberão um aporte em dinheiro para investimento nos projetos.

Lançado em setembro de 2015, o prêmio teve 105 projetos inscritos, com seis semifinalistas de cada categoria que foram julgadas no último dia 14 de março durante reunião da Comissão Julgadora no escritório da OEI em Brasília.

Sobre a FUNDACIÓN MAPFRE
Com sede na Espanha e atuação em diversos países da Europa e América Latina, a FUNDACIÓN MAPFRE é uma instituição sem fins lucrativos, que promove e investe em atividades de interesse geral da população. Para disseminar valores e cultura e contribuir com o bem-estar da sociedade, apoia e desenvolve iniciativas em cinco áreas de atuação: Ação Social; Cultura; Prevenção e Segurança Viária; Promoção da Saúde; Seguro e Previdência Social. Site: www.fundacionmapfre.com.br.

Outras informações sobre FUNDACIÓN MAPFRE:
CDN – Comunicação
Henrique Rodrigues | + 55 11 3653-2736 | henrique.alves@cdn.com.br
Fernanda Monteiro | + 5511 3643-2804 | fernanda.monteiro@cdn.com.br

Voltar ao topo