Menú Principal
Menú Principal

Home > Quem Somos > Notícias > MAPFRE oferece assistência de descarte ecológico para microsseguro residencial

MAPFRE oferece assistência de descarte ecológico para microsseguro residencial

São Paulo, 27 de janeiro de 2022 – O descarte irregular de resíduos é um grande problema nas cidades brasileiras. De acordo com levantamento do Ministério do Meio Ambiente, pelo menos 56% dos municípios do País recorrem a locais inadequados na hora de jogar fora o lixo que produzem ou produtos que não usam mais – e isso inclui itens comuns a residências como móveis, eletrodomésticos, entulhos e restos de obra. O descarte incorreto desses materiais pode gerar danos diretos ao meio ambiente como contaminação de solos e redução do tempo de vida de aterros sanitários.

Para ajudar na destinação desse tipo de resíduo, a MAPFRE, uma das maiores prestadoras de serviços nos mercados segurador e financeiro do mundo, passou a oferecer assistência para descarte ecológico aos clientes do seu produto microsseguro residencial. O projeto é fruto da parceria da seguradora com a Ecoassist, empresa especializada em gerenciamento de resíduos.

O processo funciona da seguinte forma: o cliente aciona a MAPFRE para a retirada do item que deseja descartar. Após a coleta do produto, a Ecoassist faz a triagem e análise. Os itens de Descarte Ecológico seguem para uma esteira onde são desmontados, separados por partes e triados para indústrias responsáveis pela destinação final. Quando o produto não apresenta condição de ser reutilizado — o que é comum — ele é direcionado para um processo de descaracterização, sendo separado por tipo de matéria-prima e depois enviado para a reciclagem.

“Queremos incentivar nossos clientes a praticarem o consumo sustentável. Com a assistência, eles também recebem orientações sobre economia e melhores práticas no que diz respeito ao descarte. O retorno tem sido muito positivo e, desde que passamos a oferecer esse serviço aos nossos segurados, já tivemos mais de 400 produtos descartados de forma ecológica e correta.”, conta Patrícia Soeiro, Superintendente de Seguros Especiais da MAPFRE.